Acontece no Gacc

Acolhida do GACC se prepara para fazer transplante de medula em Brasília

Daiane Alcântara tem 18 anos, luta contra uma leucemia mieloide aguda e aguarda o transplante de medula. A acolhida do Grupo de Apoio a Crianças com Câncer (GACC) foi levada por representantes da instituição em companhia da sua mãe para Brasília para fazer exames no Hospital das Forças Armadas (HFA) onde deve permanecer durante os próximos meses.

“A Daiane passou pela sua primeira consulta hoje e se vai fazer uma série de exames nas próximas duas semanas. Os médicos vão avaliar os exames e também os do doador da medula que foi compatível a ela e avaliar a possibilidade da realização do transplante”, explica Fred Gomes, supervisor da Comunicação Social que está acompanhando a adolescente.

A cirurgia vai ser marcada após os exames, provavelmente em março. “Vamos torcer para que tudo dê certo. Após a cirurgia ela vai precisar continuar passando por exames e acompanhamento em Brasília onde vai ser acolhida com a sua mãe pela Casa de Apoio Abrace. Então a Daiana vai ficar por algum tempo em Brasília, mas ela tem uma fé em Deus incrível e está muito esperançosa”, disse Fred.

Daiane agradeceu ao GACC, aos seus familiares e fez um apelo. “Agradeço o carinho e todos e peço que torçam e orem por mim”.