Notícias

VER TODAS

Festa das Mães foi contagiante

Palestrante Motivacional fez sucesso no evento

Em alusão ao “Dia das Mães” foi realizada na manhã de hoje (09), uma festa para as mães dos acolhidos do Grupo de Apoio à Criança com Câncer de Sergipe (GACC/SE), no Espaço Salão de Festas, localizado no centro da cidade.

A programação começou com um caprichado café da manhã que foi servido por algumas voluntárias, e logo em seguida, houve uma palestra motivacional com Antônio Neto, que falou sobre “Empoderamento da Mulher”.

O entusiasmo ao qual se expressou o palestrante motivacional empolgou à todas que estavam no local, pois ele destacou que a mulher em si, deve se amar pelo que ela é, acreditar em si e em seu potencial, e que ela deve ser um universo difícil de se desvendar.

Antônio cantou a música “Entre a serpente e a estrela” de Zé Ramalho, que retrata um pouco do ser ‘Mulher’, e foi ovacionado pelo público. Ele ainda ressaltou que foi uma grande satisfação ter participado de um momento como esse para mães do GACC.

“Parabenizo todas as mães que estão aqui e as que não puderam vir, e o momento atual é muito importante trabalhar esse tema, que é o “Empoderamento da Mulher”, pois ela vem trabalhando vários e vários anos buscando o seu espaço e que ainda falta muito para poder atingir o ideal, mas ainda está dentro do possível. A nossa palestra hoje deu uma ênfase sobre a importância de como ir conseguindo o empoderamento tão necessário para que elas se sintam e se achem, para que elas possam contribuir bem mais consigo e com os demais que precisam”, explicou Antônio Neto.

A voluntária que tem dois filhos e há mais de dez anos está no GACC, e que é carinhosamente chamada por todos de ‘dona Zélia’, avaliou esse momento da festa como algo importante na vida dessas mulheres e na dela também. “Decidi ser voluntária do GACC por ter muita afinidade com crianças, e fazer parte dessa instituição é muito importante para mim também. A gente cresce mais enquanto ser humano, começamos a entender melhor as coisas, aceitar e ajudar as pessoas que precisam, através de conversas e participações. Vejo que em cada evento as mães ficam muito felizes, participam bastante, e se integram mesmo, pois saem daquela rotina de hospitais e de enfermidade”.

Ana Gleize Matos, mãe da acolhida Amnyelli Júlia, revelou que a festa foi maravilhosa, e que encontrou no GACC uma segunda família. “Fiquei muito emocionada em vários momentos da festa. Quando descobri a doença da minha filha meu mundo quase desabou, mas quando soube que existia um lugar para cuidar dela, fui logo em seguida. Hoje sou muito feliz por participar do GACC, pois encontrei a família que não tenho em casa”.   

Após a palestra foi passado um vídeo em homenagem às mães do GACC, com fotos de vários momentos especias delas com seus filhos, e a música tema foi "Trem Bala" de Ana Vilela. Foi um momento emocionante.

O supervisor de comunicação, Fred Gomes, agradeceu a presença das mães que estavam lá e à todos os patrocinadores do evento e juntamente com a voluntária, Danielle Ferro, realizou um bingo com vários prêmios, onde mães de assistidos e colaboradores foram sorteados.

Após o encerramento do bingo, uma designer de sobrancelhas realizou procedimento em várias mães, houve entrega de presentes para as mães aniversariantes do mês de Maio: Ana Paula Santana (que foi representada pela mãe), e Maria da Conceição (que não foi à festa). Ambas são mães dos acolhidos Luís Felipe e Maria Grazielle.

Na ocasião cantaram os parabéns também para a assistente social, Ana Elisa, que faz aniversário no dia de hoje.

A gerente geral do GACC, Ulla Ribeiro, agradeceu a presença de todos, destacando que a instituição sempre procura ter ocasiões especiais como essa, para proporcionar alegria e descontração a quem passa por momentos tão difíceis. “Agradeço ao Pai Celestial por mais uma oportunidade de estarmos aqui comemorando esse dia, e como mãe também me sinto lisonjeada em estar junto com vocês. Obrigada!”  

Foram entregues cestas básicas, passagens, lembrancinhas e lanche box para as mães após o encerramento.